LIVRO

Corrupção, desamparo e fé

R$45,00

Disponível por encomenda

  • Autor
    Mônica de Paula Silva
  • ISBN
    978-85-5996-888-0
  • Ano
    2018
  • Páginas
    122
  • Gênero
    Sem categoria
  • Selo
    Multifoco

Descrição

O livro retrata o sofrimento de duas terapeutas que trabalham no serviço público brasileiro. Os diálogos entre elas nos trazem uma reflexão sobre os sofrimentos da população, o desânimo de seus pacientes e o quanto as cidades brasileiras enfrentam situações de calamidade com a corrupção e o desamparo. E mesmo com todas as injustiças elas conseguem superar os problemas do cotidiano oferecendo apoio ao público.
Além dos problemas de seus pacientes, como transtornos mentais, problemas emocionais, dependência química, deficiência mental e outras síndromes, elas enfrentam os problemas sociais e políticos que dificultam os atendimentos.

Paula e Carmem são dramáticas, depressivas e divertidas. Diante das dificuldades elas conseguem fazer seu trabalho da melhor forma possível em favor de pacientes, família, professores, diretores pedagógicos, coordenadores pedagógicos e todos os envolvidos na área da saúde e educação. E mesmo não tendo apoio de seus gestores elas buscam ter equilíbrio diante do caos que vivem.

Mais importante: O livro aborda questões como a falta de apoio de administradores, falta de materiais de trabalho, salários atrasados, decadência das estruturas de prédios públicos e o quanto a corrupção afeta a população, causando transtornos mentais e abalando a fé das pessoas.

As personagens fazem várias análises sobre questões sociais e a falta de respeito da população ao funcionalismo público. Paula e Carmem buscam pesquisas científicas para entender e aperfeiçoar seus conhecimentos; tudo em favor dos seus pacientes, que se encontram em situações complicadas, como a falta de ânimo e de esperança em relação à corrupção que afeta o país.

Elas entram em crise em alguns momentos, quando têm consciência do desamparo e das humilhações vividas, por causa da falta de bom senso e de ética da classe política e dos profissionais irresponsáveis, faltas que muitas vezes causam prejuízos e atrapalham o trabalho de pessoas comprometidas no serviço público.

Os temas abordados são:
• Estresses e doenças mentais que os servidores públicos das áreas da educação, saúde e outros setores adquirem;
• População em depressão, sofrendo com a falta de educação, saúde, segurança e emprego; e o quanto esse desamparo causa transtornos mentais;
• Fé abalada e traumas causados por religiões manipuladoras;
• Estudos que mostram que os brasileiros, devido à baixa escolaridade, não compreendem muito bem a política e, portanto, não estão aptos a tomar decisões racionais, coerentes com suas vontades;
• Pacientes com familiares presos e a situação dos presídios brasileiros;
• Pacientes mortos e os índices de assassinato no país;
• A calamidade que as pessoas com necessidades especiais vivem, sem respeito e investimentos;
• Pacientes com transtornos mentais e a falta de apoio;
• Famílias desempregadas, adolescentes no crime, pais irresponsáveis;
• Corrupção nas empresas privadas;
• Falta de ética entre profissionais;
• Mulheres que sofrem assédio moral;
• Sociopatas que chegam ao poder;
• Funcionários públicos que enriquecem com o dinheiro dos impostos e propinas;
• Perseguições políticas, cargos de confianças com salários absurdos e sem a exigência do conhecimento necessário para exercer o cargo;
• Corrupção e psicanálise;
• Mulheres e homens que sofrem de transtorno borderline, transtorno bipolar ou amores patológicos;
• As condições dos tratamentos em clínicas para dependentes químicos e as dificuldades dessas clínicas.

 

Mônica de Paula Silva

É pedagoga, psicopedagoga, neuropsicopedagoga, especialista em educação Especial e Inclusiva e cursa Psicanálise. É pesquisadora em assuntos espirituais e do comportamento humano, e também responsável pelo blog htt://psiconeuropedagogia.blogspot.com.br. facebook: Monica Lambiasi- Monica de Paula Silva – Instragram: lambiazi03 – Twitter Monica Lambiasi @lambiasi_monica