LIVRO

POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SÓLIDOS (PNRS): UMA ANÁLISE INTERDISCIPLINAR DE SUA EFETIVIDADE.

R$65,00

  • Autor
    Ana Alice De Carli; Felipe da Costa Brasil (Organizadores)
  • ISBN
    9786599481772
  • Ano
    2021
  • Páginas
    346
  • Gênero
    Sustentabilidade
  • Selo
    Multifoco

Descrição

O desenvolvimento das grandes cadeias de produção e consumo tem contribuído para o aumento da geração de resíduos sólidos em todas as diferentes origens. O descarte inadequado destes resíduos ainda tem acarretado inúmeros prejuízos ao meio ambiente e à saúde humana, podendo inclusive ser classificado como dano e crime ambiental, quando ocasionam a contaminação dos solos, da água, da atmosfera e da fauna e flora. Sendo assim, a correta coleta e o destino destes resíduos ainda são questões prioritárias e legais a serem solucionadas pela gestão pública, sociedade civil e a iniciativa privada no Brasil. Em 2010 foi instituída a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) através da Lei Federal nº 12.305 com o objetivo de disciplinar e regulamentar a gestão e o gerenciamento dos resíduos sólidos no país. Como principais objetivos da PNRS, foram priorizados a elaboração de planos municipais de gerenciamento de resíduos sólidos, o encerramento dos lixões, a logística reversa e a análise do ciclo de vida dos produtos, estando estas em consonância com o Objetivo do Desenvolvimento Sustentável (ODS) nº 12 da ONU em relação à produção e ao consumo responsáveis. Entretanto, não obstante ao 10 anos da PNRS, ainda existem muitas lacunas a serem preenchidas sobre este tema. O objetivo desta obra coletiva é apresentar aos leitores o atual cenário da gestão e do gerenciamento dos resíduos sólidos no Brasil, pautados pela PNRS, incluindo temas de grande relevância como a educação para o consumo, o atual cenário da gestão de algumas classes de resíduos, tecnologias de disposição final e tratamento de chorume, entre outros.